Outubro é o mês da conscientização sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama. O movimento também inclui a divulgação de informações corretas e claras a respeito do corpo da mulher – informar-se bem é o principal instrumento para a manutenção da sua saúde.

Nós da Clínica Maddarena priorizamos sempre a saúde da mulher, que deve ser a base para que cada paciente seja feliz. Veja a seguir algumas informações importantes sobre câncer de mama e o implante de silicone:

 

Cuidados pré-operatórios

Antes do dia da cirurgia, o médico cirurgião plástico conhecerá a fundo o histórico familiar, o corpo e a saúde da paciente. Isso inclui exames como hemograma, raio X e o que mais o médico avaliar necessário para cada indivíduo.

Esta primeira fase é muito importante. Trata-se uma ótima oportunidade para a mulher tirar todas suas dúvidas e estabelecer uma relação de confiança com seu médico. Assim, vale a pena preparar-se antes: ajuda fazer uma listinha com todas as questões que passarem por sua cabeça. Na relação médico-paciente, não existe pergunta inconveniente ou desnecessária. O importante é ter consciência – e, assim, passar pelos procedimentos necessários com tranquilidade.

Você pode ler sobre os cuidados que devem ser tomados antes da cirurgia aqui.

 

Monitoramento

Mulheres com ou sem implante devem se consultar anualmente com um ginecologista para monitorar as mamas. O autoexame é importante para que cada uma conheça seu corpo mas nem sempre faz a detecção correta de tumores.

Caso a mulher tenha implante de silicone, é possível que ele associe aos exames básicos uma investigação mais cuidadosa. E não há motivo para preocupação: os procedimentos não danificam o silicone. Mas é importante avisar o profissional que conduzirá os exames para que ele faça as manobras corretas a fim de visualizar o tecido mamário.

 

Câncer de mama em pacientes com silicone

Cada paciente é única e, se detectado um câncer após a colocação do implante, o médico irá avaliar suas características.

Os estudos mostram que o silicone não evita nem provoca câncer de mama. Cada paciente é única e, se detectado um câncer após a colocação do implante, o médico irá avaliar suas características, e determinar a melhor estratégia de tratamento. O câncer de mama tem cura, mas lembre-se, quanto mais cedo diagnosticar, melhor! Com ou sem silicone, visite seu médico regularmente e faça sempre os exames de rotina!

Já segue a Clínica Maddarena nas redes sociais?

instagram facebook1

×
Olá!
Como podemos te ajudar?
Por favor, digite seu nome.