fbpx

Hoje vamos falar da blefaroplastia, um tipo de cirurgia plástica muito comum entre os homens e as mulheres. É realizada em quem reduzir o aspecto caído e envelhecido do olhar. 

 

Uma região pequena, mas com muito a se fazer

A área ao redor dos olhos é composta por músculos, tendões, pele e bolsinhas de gordura. De acordo com as características e necessidades de cada paciente, o médico remove ou reposiciona tais estruturas. Com isso, é possível reduzir problemas como flacidez e rugas, rejuvenescendo o olhar.

 

Além da estética

Mas a blefaroplastia é indicada também para outros fins. Além de ajudar a rejuvenescer o rosto, ela pode melhorar a qualidade de vida de muita gente, principalmente idosos. Com o tempo, a pele e os músculos da pálpebra superior ficam tão flácidos que começam a cobrir os olhos. Corrigir o problema dá mais conforto ao paciente.

 

Como a blefaroplastia é feita

A cirurgia varia muito de acordo com os objetivos de cada paciente, mas o médico pode atuar nas seguintes frentes: reposicionar as bolsas de gordura em torno dos olhos, remover a pele em excesso e corrigir o posicionamento dos músculos das pálpebras.

Todo o procedimento dura cerca de uma hora e o paciente pode voltar para casa no mesmo dia.

E lembre-se: como toda cirurgia plástica, a blefaroplastia deve ser feita apenas por um cirurgião plástico inscrito na Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e no Conselho Regional de Medicina da localidade onde atua. 

 

Pós-operatório

É muito importante seguir todas as orientações médicas, já que o sucesso de uma cirurgia também depende do pós-operatório. A região vai ficar arroxeada e inchada nos primeiros dias, sendo indicadas compressas e sessões de drenagem linfática facial

O médico responsável vai ensinar a fazer a higiene correta do local, podendo prescrever medicamentos para aliviar eventuais dores e prevenir infecções. Por conta desse apoio, é essencial ir a todas as consultas de acompanhamento. 

O repouso é breve: em poucos dias o paciente está liberado para retomar suas atividades cotidianas. Mesmo assim, é necessário proteger a região do sol, para evitar o escurecimento da cicatriz. Assim, o uso de óculos escuros é imprescindível. E, falando em cicatriz, ela é bem discreta, já que as incisões são feitas para coincidir com as dobrinhas naturais das pálpebras.

 

Cirugia combinada

Juntamente com a blefaroplastia, é possível combinar outros procedimentos no rosto, como lifting e rinoplastia. A vantagem é aproveitar toda a estrutura da cirurgia para atingir mais de um objetivo ao mesmo tempo. Nesse caso, a duração do procedimento é maior e o tempo de internação pode se estender também. 

 

Já segue a Clínica Maddarena nas redes sociais?

instagram facebook1

×
Olá!
Como podemos te ajudar?
Por favor, digite seu nome.