fbpx

Tag: "LED"

Peeling facial é, na verdade, o nome que damos a vários tratamentos que têm como função remover manchas e marcas na pele. A ideia é provocar a renovação cutânea, removendo a camada mais superficial e dando lugar a uma nova.

E não é só o rosto que se beneficia: é possível tratar outras áreas do corpo, como o pescoço, costas, braços, pernas e em regiões com estrias.

Produtos diferentes atuam em profundidades também diferentes da pele: os mais superficiais combatem sardas, poros dilatados e manchas superficiais. Os mais profundos são indicados para cicatrizes, rugas e manchas mais persistentes.

Como são várias indicações, há diversas técnicas que, reunidas, são chamadas de peeling. Só um profissional especializado pode determinar qual a mais adequada para um caso concreto. Conheça aqui os principais tipos:

 

Peeling mecânico

Um aparelho especial lixa a pele com muito cuidado. As ponteiras mais comuns são as de cristal e as de diamante – estas últimas geralmente indicadas quando se deseja alcançar camadas mais profundas. A quantidade de sessões varia de acordo com a pele do paciente e a frequência pode ser até semanal.

 

Peeling químico

A medicina desenvolveu ácidos destinados especialmente a remover de forma controlada as camadas superficiais da pele e a desempenhar ações farmacológicas. A descamação ocorre depois de alguns dias – é importantíssimo não esquecer do filtro solar. Os ácidos mais comuns para esse fim são o retinoico, o glicólico e o salicílico. É possível que o paciente sinta um certo desconforto nos dias que seguem a aplicação, sendo este mais um motivo para seguir com atenção os cuidados prescritos.

 

Laser

O laser, com suas múltiplas funções, é um incrível aliado dos tratamentos de beleza. Não é de se espantar que ele também possa promover a renovação da pele. Como se trata de um feixe de luz potente, é possível trabalhar com precisão em manchas e cicatrizes, inclusive escolhendo a profundidade desejada.

 

Vários tipos de peeling mas um só cuidado

É muito importante seguir à risca as orientações do profissional que conduziu um tratamento com peeling. Caso contrário, o problema pode até se agravar. A principal recomendação é evitar exposição ao sol e, quando esta for inevitável, usar protetor solar. Também é preciso informar o profissional sobre os produtos da rotina de beleza em casa para avaliar eventuais substituições ou suspensões durante o tratamento.

 

Já segue a Clínica Maddarena nas redes sociais?

instagram facebook1

As temidas estrias nada mais são do que cicatrizes. Elas surgem quando fibras de colágeno se rompem, marcando a pele. No começo, têm um tom avermelhado, indicando que ainda estão presentes nelas vasos sanguíneos – que, se tratados, podem ajudar a regenerar a região. É por isso que dizemos que as estrias já esbranquiçadas são mais difíceis de tratar.

Conheça agora algumas formas para amenizar a aparência das estrias:

 

1. Laser

O laser é uma luz muito forte que, se programada e operada corretamente, atinge seu alvo para um tratamento específico. Ele estimula a produção de colágeno, o que auxilia em vários tipos de cicatrização. Além das estrias, também proporciona excelentes resultados nas marcas de acne, manchas na pele e poros dilatados. Os resultados são visíveis já nas primeiras sessões.

 

2. Peeling químico

Também é possível estimular a produção de colágeno com o peeling químico. Trata-se de uma solução química que, aplicada sobre as estrias, provoca a regeneração da área. O tipo do ácido utilizado depende da aparência da estria (cor e dimensões). É um método versátil – assim como o laser, e pode ser usado para outros fins, como a melhora de manchas na pele causadas pela acne.

 

3. Microdermoabrasão (ou peeling físico)

Técnica que inclui o peeling de diamante e o de cristal, é outra forma de se provocar a regeneração da pele. Com um aparelho específico, o profissional qualificado desgasta a área afetada com muito cuidado. Mas não se assuste: o procedimento é indolor – causa, no máximo, um pequeno desconforto que passa em segundos.

 

4. Multiwaves (ou LED)

Você sabia que as lâmpadas de LED também são úteis no combate às estrias? Claro que em uma versão tecnológica diferente da que ilumina nossas casas. Esse método específico estimula a cicatrização e o rejuvenescimento da pele. E também tem outras várias indicações, inclusive para fortalecimento capilar!

 

5. Cirurgia plástica

Plásticas como a abdominal têm por finalidade corrigir excessos de pele e reposicionar musculaturas. Já que a cirurgia envolve corte de pele, algumas estrias podem ser eliminadas no processo. Como já comentamos em outro texto, converse sempre com seu médico para entender as expectativas da cirurgia e os resultados que podem ser alcançados.

Já segue a Clínica Maddarena nas redes sociais?

instagram facebook1

Hoje vamos apresentar um procedimento não-cirúrgico muito interessante para quem busca cuidar da pele. Ele se chama Multiwaves, também conhecido como laser de baixa potência e a tecnologia que utiliza é a da luz de LED, a mesma utilizada nas lâmpadas domésticas e nos faróis de automóveis. A técnica se baseia no princípio de resposta fotobiológica, que é como nosso corpo reage quando exposto a determinados tipos de luzes.

O Dr. Vitorio Maddarena nos enviou uma explicação que, com certeza, vai tornar o assunto mais claro para você: “Cada luz age de uma forma diferente no nosso organismo. A luz solar, por exemplo, ativa a vitamina D no nosso corpo e proporciona o conhecido efeito bronzeador na pele. Já o LED do tratamento Multiwaves possui propriedades antissépticas, anti-inflamatórias e de melhora do aproveitamento do oxigênio pelas células. ”

No próximo post sobre Multiwaves vamos contar com detalhes como o LED atua nas células do nosso corpo, possibilitando os resultados esperados pelo tratamento. Abordaremos também todos os casos passíveis de serem tratados com essa técnica. Portanto, continue nos acompanhando aqui no blog e enviando suas dúvidas e sugestões pelas nossas redes sociais.

VEJA MAIS POSTS SOBRE

Hoje retomamos o assunto Multiwaves iniciado aqui para contar dos benefícios desta técnica, além de explicarmos como a luz de LED pode proporcionar tais resultados. Conversamos com o Dr. Vitorio Maddarena para obtermos informações precisas de um especialista no assunto e levá-las até você.

Então vamos à palavra do especialista: “As ondas luminosas do Multiwaves estimulam a mitocôndria, que podemos chamar de pulmões das nossas células. Com a respiração celular mais eficiente, o metabolismo torna-se mais eficaz, melhorando a performance celular dos tecidos em questão. ”

O Dr. Vitorio também explica quais as indicações do procedimento: “É indicado para agilizar processos de cicatrização, auxiliar na limpeza de pele e no tratamento de acnes, estrias e queda de cabelos, entre outras aplicações. Também age como tratamento complementar quando associado ao peeling e após a microdermoabrasão. ”

Se você se interessou pelo tratamento Multiwaves, procure uma clínica especializada e agende uma avaliação com um especialista. Só ele vai poder te dizer se este tipo de técnica é a mais indicada para o seu caso. Continue nos acompanhando aqui no blog e nas redes sociais para ficar por dentro das novidades do mundo dos procedimentos estéticos!

VEJA MAIS POSTS SOBRE
×
Olá!
Como podemos te ajudar?
Por favor, digite seu nome.